Você está aqui

Adriana Piscitelli

 

 

Adriana

Fez graduação em Ciencias Antropológicas - Universidad de Buenos Aires (1979), especialização em Gender and Development - University of Sussex (1988), mestrado em Antropologia Social pela Universidade Estadual de Campinas (1990), doutorado em Ciências Sociais pela Universidade Estadual de Campinas (1999) e pós-doutorado na Universidad Autónoma de Barcelona (2004). Foi Visiting Scholar no CLS da New York University (2004), integrou o Comitê de Direitos Humanos da Associação Brasileira de Antropologia (2005); foi professora convidada na Universidad de Buenos Aires (2006) e pesquisadora convidada do Instituto Universitário de la Mujer, da Universidad Autónoma de Madrid (2007). Atualmente é pesquisadora nível B da Universidade Estadual de Campinas, professora participante no doutorado em Ciências Sociais e no Depto de Antropologia Social da mesma universidade e coordenadora associada do Núcleo de Estudos de Gênero-PAGU. Integra o Comitê Editorial do Cadernos PAGU, o International Advisory Board da Revista Etnográfica (Lisboa), o Associate Editors Committee Biography and Memory (Amsterdam), e o Conselho Consultivo da Maestría en Estudios de Familia da Universidad Nacional de San Martin (Buenos Aires). Tem atuado principalmente nos seguintes temas: gênero, memória, parentesco, sexualidade, turismo sexual, prostituição, migrações, tráfico internacional de pessoas, teoria feminista e teoria antropológica.

 

 Artigos aceitos para publicação

  1.  

Artigos completos publicados em periódicos

  1. Looking for New Worlds: Brazilian Women as International Migrants, Signs: Journal of Women in Culture and Society 2008, vol. 33, no. 4, pp. 784-793
  2. As fronteiras da transgressão: a demanda por brasileiras na indústria do sexo na Espanha. In: Sexualidad, Salud y Sociedad - Revista Latinoamericana. Rio de Janeiro: CLAM-UERJ, 2009. n. 177-201. 
  3. Sexo Tropical em contextos do Primeiro Mundo: migração de brasileiras para Itália no Contexto do turismo sexual. Revista Estudos Feministas, v. 15, n° 3, p. 717-744, 2008.
  4. Brasileiras na indústria transnacional do sexo. Nuevo Mundo-Mundos Nuevos, v. 7, p. 20, 2007.
  5. Shifting Boundaries: Sex and Money in the North-East of Brazil. Sexualities (London), v. 10, p. 489-500, 2007.
  6. Corporalidade em confronto. Revista Brasileira de Ciências Sociais, v. 22, p. 17-32, 2007.
  7. "Sujeição ou subversão? migrantes brasileiras na indústria do sexo na Espanha", História & Perspectivas, Universidade Federal de Uberlândia, nº 35, Agosto-Dezembro, 2006.
  8. Trabajo sexual y turismo sexual: violencia y estigma. Mora, v. 12, p. 33-56, 2006.
  9. Lopes, Maria Margaret and Piscitelli, Adriana. Revistas científicas e a constituição do campo de estudos de gênero: um olhar desde as "margens". Rev. Estud. Fem., Dez 2004, vol.12, no.spe, p.115-121. ISSN 0104-026X
  10. Géographies mutantes, le Nordeste du Brésil dans les circuits mondiaux de tourisme sexual. Cahiers du Bresil Contemporain, Paris, v. 55/56, p. 107-140, 2005.
  11. El tráfico del deseo: interseccionalidades no marco do turismo sexual no Nordeste do Brasil. Quaderns de l'Institut Catalé d'Antropologia, BARCELONA, v. 2004/b, p. 01-15, 2005.
  12. Viagens e sexo on-line: a internet na geografia do turismo sexual. Cadernos Pagu (UNICAMP), Campinas, v. 25, p. 281-327, 2005.
  13. Intérêt et émotion: la migration de femmes brésiliennes en Italie dans le contexte du tourisme international du sexe. Migrations Société, v. 17, p. 105-125, 2005.
  14. On Gringos and Natives, gender and sexuality in the context of international sex tourism. Vibrant - Virtual Brazilian Anthropology, Florianópolis, v. 1, ano, p. 27 pg-27 pg, 2004.
  15. PISCITELLI, A. G.; LOPES, M. M.; BELELI, I. . Cadernos PAGU: contribuindo para a consolidação de um campo de estudos. Revista Estudos Feministas, Florianópolis, v. 11, n. 1, p. 242-247, 2003.
  16. Comentário sobre a entrevista Tráfico Sexual. Cadernos Pagu (UNICAMP), Campinas, v. 21, p. 211-219, 2003.
  17. Trechos de um diário de campo: mundos contemporâneos, gênero, desigualdades. Praia Vermelha, Rio de Janeiro, v. 8, p. 148-178, 2003.
  18. PISCITELLI, A. G. ; CORRÊA, M. Flores do colonialismo. Masculinidades numa perspectiva antropológica. Entrevista com Miguel Valede Almeida. Cadernos Pagu, Campinas, v. 11, p. 201-231, 1999.
  19. Nas fronteiras do natural. Perspectivas feministas, gênero y parentesco. Revista Estudos Feministas, Rio de Janeiro, v. 6, n. 2, p. 305-323, 1998.
  20. Gênero em Perspectiva. Cadernos Pagu, Campinas, v. 11, p. 141-157, 1998.
  21. PISCITELLI, A. G. ; KOFES, S. . Memórias de "Histórias femininas, memórias e experiências" . Cadernos Pagu, Campinas, v. 8/9, p. 343-355, 1997.
  22. Identity and Difference among Women: the politics of community based actions. A case study in Brazil. Atlantis, Canada, v. 21, p. 30-39, 1996.
  23. Sexo Tropical. Comentários sobre gênero, raça e outras categorias de diferenciação social em alguns textos da mídia brasileira. Cadernos PAGU, Campinas, v. 6/7, p. 9-35, 1996.
  24. Comentários sobre a revista Raça-Brasil. Cadernos Pagu, Campinas, v. 6/7, p. 303-307, 1996.
  25. Ambiguidades y desacuerdos: los conceptos de sexo y género en la antropologia feminista. Cuadernos del Instituto Nacional de Antropologia, Buenos Aires, v. 16, p. 153-171, 1995.
  26. Historia de Vida, historia oral y memoria. Intersecciones, Argentina, v. 1, p. 17-27, 1995.
  27. Imagens com lugar na história. Revista Estudos Feministas, v. 3, n. 1, p. 271-274, 1995.
  28. The Gender of the Gift por Marilyn Strathern. Cadernos Pagu, Campinas, v. 2, p. 211-219, 1994
  29. Tradição oral, memória e gênero. Cadernos Pagu, Campinas, v. 1, p. 149-173, 1993.

Dissertação

  1. Amor, paixão e casamento: a escolha de um cônjuge em família de camadas médias e altas do sul de Minas Gerais. Dissertação de mestrado apresentada ao IFCH-Unicamp sob a orientação da Profa.Dra. Mariza Corrêa.

Livros publicados/organizados ou edições

  1. Pesquisas em tráfico de pessoas (parte 3) Tráfico Internacional de Pessoas e tráfico de migrantes entre deportados(as) e não admitidos(as) que regressam ao Brasil via o aeroporto internacional de Guarulhos. Brasília: Secretaria Nacional de Justiça/OIT, 2007. v. 1. 138 p.
  2. PISCITELLI, A.; MELO, Hildete; MALUF, Sonia; PUGA, Vera (orgs.). Olhares Feministas. Brasília, Ministério da Educação e Unesco, 2006. (Coleção Educação para todos).
  3. Relatório: indícios de tráfico de pessoas no universo de deportadas e não admitidas que chegaram ao Brasil via o aeroporto de Guarulhos, in: Secretaria Nacional de Justiça. Brasilia: Secretaria Nacional de Justiça, 2006. v. 1. 86 p.
  4. DEBERT, G. G. (Org.) ; GREGORI, M. F. (Org.) ; PISCITELLI, A. G. (Org.) . Gênero e distribuição da justiça: as delegacias de defesa da mulher e a construção das diferenças. Campinas: PAGU/UNICAMP, 2006. v. 1. 280 p.
  5. Jóias de Família, gênero e parentesco em histórias sobre grupos empresariais brasileiros. 1. ed. Rio de Janeiro: Editora UFRJ, 2006. v. 1. 321 p.
  6. PISCITELLI, A. G. (Org.) ; PEREIRA, C. S. (Org.) ; KEMPADOO, K. (Org.) ; JULIANO, D. (Org.) ; AGUSTIN, L. M. (Org.) ; PASSINI, E. N. (Org.) ; PELUCIO, L. (Org.) ; SAVIGLIANO, M. (Org.) ; BARRANCOS, D. (Org.) ; SILVA, A. P. (Org.) . Cadernos PAGU 25, Mercado do sexo. Campinas: Núcleo de Estudos de Gênero-PAGU/UNICAMP, 2005. v. 1. 403 p.
  7. PISCITELLI, A. G. (Org.) ; GREGORI, M. F. (Org.) ; CARRARA, S. (Org.) . Sexualidades e Saberes, convenções e Fronteiras. 1. ed. Rio de Janeiro: Garamond, 2004. v. 1. 448 p.
  8. PISCITELLI, A. G. (Org.) ; GREGORI, M. F. (Org.) ; L.MOORE, H. (Org.) ; GROSZ, E. (Org.) ; SAVIGLIANO, M. (Org.) ; ALMEIDA, M. V. (Org.) ; PASSINI, E. N. (Org.) ; FRANGUELLA, S. M. (Org.) ; SANTANNA, D. B. (Org.) ; FARRA, M. L. D. (Org.) . Corporificando gênero/CADERNOS PAGU n 14. Campinas: Núcleo de Estudos deGênero PAGU/UNICAMP, 2000. v. 1. 306 p.
  9. PISCITELLI, A. G. (Org.) ; STRATHERN, M. (Org.) ; ROHDEN, F. (Org.) ; LEJEUNE, P. (Org.) ; FRANCO, M. P. (Org.) ; SCHPUN, M. R. (Org.) ; MATWYCHUK, M. L. (Org.) ; CATELLI, R. (Org.) ; GARCIA, M. A. (Org.) ; RAGO, L. M. (Org.) . gênero, narrativas, memórias/Cadernos PAGU 8/9. Campinas: Núcleo de Estudos de Gênero-PAGU/UNICAMP, 1997. v. 1. 411 p.
  10. PISCITELLI, A. G. (Org.) ; GOLDANI, A. M. (Org.) ; KOFES, S. (Org.) ; BASSANEZI, C. (Org.) ; RAGO, L. M. (Org.) ; ALGRANTI, L. M. (Org.) ; CORRÊA, M. (Org.) . De trajetórias e sentimentos/Cadernos PAGU n 1. Campinas: Núcleo de Estudos de Gênero-PAGU/Unicamp, 1993. v. 1. 171 p.

Capítulos de livros publicados

  1. Turismo e Sexo na Internet: Sites de turismo sexual incidem no Nordeste do Brasil. In: CORIALINO, Luzia Neide M. T; VASCONCELOS, Flávio. (Org.). O turismo e a relação sociedade natureza, realidades, conflitos e resistências. 1 ed. Fortaleza: UECE, 2007, v. 1, p. 169-188.
  2. Prostituição e Trabalho. In: Maria Ednalva Bezera de Lima; Ana Alice Alcantara Costa; Albertina Costa; Maria Betania Ávila; Vera Lúcia Soares. (Org.). Transformando as relações trabalho e cidadania, produção, reprodução e sexualidade. Salvador: UFBA/FFCH/CUT, 2007, v. 1, p. 183-195.
  3. Viagens e Sexo On-Line: a internet na geografia do turismo sexual. In: Hildete Pereira de Melo, Adriana Piscitelli, Sônia Weidner Maluf, Vera Lucia Puga (organizadoras). Olhares Feministas Brasília : Ministério da Educação : UNESCO, 2006. 510 p. – (Coleção Educação para Todos ; v. 10) ISBN 85-98171-55-7 
  4. Delegacias Especiais de Polícia em contexto: reflexões a partir do caso de Salvador -BA. In: Debert, Guita; Gregori Maria Filomena; Piscitelli Adriana. (Org.). Gênero e distribuição da justiça: as delegacias de defesa da mulher e a construção das diferenças. Campinas: PAGU/UNICAMP, 2006, v. , p. 89-145.
  5. Amuchástegui Ana ; CABRIA, A. ; BENTO, B. ; Diniz, Debora ; Herdt, Gilbert ; CAREAGA, Gloria . Estigma e trabalho sexual: comentários a partir de leituras sobre turismo sexual. In: Cáceres, Carlos; Careaga, Gloria, Frasca Tim; Pecheny, Mario. (Org.). Sexualidad, estima y derechos humanos: desafíos para el aceso a la salud en América Latina. Lima: FASPA/UPCH, 2006, v. , p. 223-251.
  6. Gênero, Turismo, Desigualdades. In: MINISTÉRIO DO TURISMO. (Org.). Turismo Social. Diálogos do Turismo, Uma Viagem de Inclusão. Rio de Janeiro: IBAM, 2006, v. 1, p. 205-246.
  7. As viagens das teorias no embate entre práticas acadêmicas, feminismos globais e ativismos locais. In: Maria Lygia Quartim de Moraes. (Org.). Gênero nas fronteiras do Sul. Campinas: PAGU/Núcleo de Estudos de Gênero-Unicamp, 2005, v. 1, p. 143-163.
  8. Pioneiros: masculinidades em narrativas sobre fundadores de grupos empresariais brasileiros. In: Mônica Raisa Schpun. (Org.). Masculinidades. São Paulo: Boitempo, 2004, v. , p. 175-203.
  9. Reflexões em torno de gênero e feminismo. In: LIMA COSTA, Claudia; PREIRA SCHMIDT, Simone. (Org.). Poéticas e políticas feministas. Florianóplis: Editora Mulheres, 2004, v. , p. 43-67.
  10. Herdeiras: gênero e parentesco em relatos de mulheres de grupos empresariais ligados a famílias. In: Anne Cova, Natália Ramos e Teresa Joaquim, orgs.,. (Org.). Desafios da comparação. Família, mulheres e gênero em Portugal e no Brasil. Oeiras: Celta editora,. Lisboa: Celtas, 2004, v. , p. 265-290.
  11. Exotismo e autenticidade, relatos de viajantes à procura de sexo. In: Cardeira da Silva, Maria. (Org.). Outros trópicos. Novos destinos turísticos. Novos terrenos da antropologia. Lisboa: Horizonte, 2004, v. , p. 101-125.
  12. Entre a Praia de Iracema e a União Européia: turismo sexual internacional e migração feminina. In: Piscitelli, Adriana; Gregori, Maria Filomena; Carrara, Sergio. (Org.). Sexualidades e Saberes, convenções e fronteiras. Rio de Janeiro: Garamond, 2004, v. , p. 250-270.
  13. Re-criando a categoria mulher?. In: Algranti, Leila Mezan. (Org.). A prática feminista e o conceito de gênero. Campinas: IFCH/UNICAMP, 2002, v. 48, p. 7-42.
  14. "Gringos" nos trópicos: gênero e nacionalidade no marco do turismo sexual em Fortaleza. In: Mary Garcia Castro. (Org.). Migrações Internacionais, contribuições para políticas. Brasília: Comissão Nacional de População e Desenvolvimento, 2001, v. 1, p. 589-613.
  15. Pasión, casamento y poder: tradición oral y memoria en familias latifundistas del café (Minas Gerais, Brasil). In: LULLE, Thiery; VARGAS, Pilar; ZAMUDIO, Lucero. (Org.). Los usos de la historia de vida en ciencias sociales. Barcelona: Espanha, 1999, v. 1, p. 65-82.
  16. Ambivalência sobre os conceitos de sexo e gênero na produção de algumas teóricas feministas. In: AGUIAR, Neuma. (Org.). Gênero e ciências humanas, desafio às ciências desde a perspectiva das mulheres. Rio de Janeiro: Rosa dos Tempos, 1998, v. , p. 49-67.
  17. Love and ambition: gender, memory and stories from Brazilian Plantation Families. In: LEYDESDORFF, S; PASSERINI, Luisa; Thompson, Paul. (Org.). International Yearbook of oral history and life stories - Memory and gender. Oxford: Oxford University Press, 1996, v. 4, p. 89-105.
  18. Histórias que as histórias de amor contam. In: COSTA, Albertina de Oliveira; BRUSCHINI, Cristina. (Org.). Rebeldia e Submissão. São Paulo: Vértice, 1989

Trabalhos completos publicados em anais de congressos

  1. Actuando la “brasileñidad”? Tránsitos entre circuitos de turismo sexual y los mercados del sexo y matrimonial europeos. In: 2009 meeting of the Latin American Studies Association/LASA, Rio de Janeiro, Brazil, June 11-14, 2008.
  2. Atravesando fronteras: teorías postcoloniales y lecturas (antropológicas) sobre feminismos, género y mercado del sexo en Brasil . In: LASA 2007, XXVII International Congress, Montreal, Canadá, 2007.
  3. Antropologia, direitos humanos e o debate sobre tráfico de pessoas com fins de exploração sexual. In: 25ª Reunião da Associação Brasileira de Antropologia, Goiânia, 2006. Anais da 25ª Reunião da ABA, CD, Florianópolis, v. 1, 2006.
  4. Transnational sex travels: negotiation identities in a tropical paradise. In: Translocalities/Translocalidades: feminist politics of translation in Latin America, Amherst: Center for Latin American - Caribbean and Latin Studies, 2006.
  5. Exotismos em confronto? Corporalidade, gênero e nacionalidade no marco da indústria transnacional do sexo. In: 29° Encontro Anual da Anpocs, Caxambu, 2005.
  6. Buenos Aires versus RJ? Tránsitos en el marco da la transnacionalización de la industria del sexo. In: Primeiro Congreso Latinoamericano de Antropologia, Rosario, 2005.
  7. Viajando se conoce gente: percepción de las mujeres de América del Sur en el mercado transnacional de consumo sexual. In: Anales del X Congreso de Antropología: culturas, poder y mercados. Sevilla, Fundación El Monte, p. 171-187, 2005.
  8. Gênero, diferenças, poder: contribuições da antropologia feminista lidas a partir de uma análise do turismo sexual internacional. In: Actas de las VII Jornadas Nacionales de historia de las Mujeres, II Congreso Iberoamericano de Estudios de Género, Salta, Argentina, Comisión de la Mujer - Universidad Nacional de Salta, p. 33-34, 2003.
  9. Gênero e racialização no contexto de relações transnacionais: comentários a partir de uma leitura das relações presentes no turismo sexual em Fortaleza (Ceará, Brasil). In: Simpósio Internacional "O desafio da diferença, articulando gênero, raça e classe". Salvador, Programa de Pós-Graduação - UFBa/UEFS, 2000.
  10. Género y racialización en el contexto de relaciones transnacionales. In: VI Jornada de Historia de las Mujeres. Buenos Aires, Faculdad Filosofia y Letras, UBA, 2000.

 Projetos de Pesquisa

  1. Corporalidades em confronto? Brasileiras na indústria do sexo na Espanha. Unicamp, 2007.
  2. Tráfico internacional de pessoas no universo de homens, mulheres e transgêneros deportados(as) que regressam ao Brasil via o aeroporto internacional de São Paulo. Unicamp/Ministério da Justiça, 2006-2007.
  3. Transnacionalização e famílias no Brasil e em Portugal. Unicamp/ISCTE (Capes/Grices), 2006-2008.
  4. Exotismos? Brasileiras na indústria do sexo na Espanha. Unicamp, 2006.
  5. Indícios de tráfico de pessoas no universo de deportadas e não admitidas que regressam ao Brasil via o aeroporto de Guarulhos. Unicamp/Ministério da Justiça, 2005.
  6. Paisagens sexuais, imagens do Brasil no marco do turismo sexual internacional. Unicamp, 2005.
  7. Circuitos do desejo: migração de brasileiras a Espanha no contexto da transnacionalização do mercado sexual. Unicamp, 2004-2005.
  8. Gênero, Corporalidades. Projeto temático Fapesp, Unicamp. 2004-2009.
  9. Tropical sex in first world contexts. Unicamp, 2003-2004.
  10. Pós-graduação em Gênero: experiência de Brasil, Argentina, Uruguai e Chile. Unicamp/Capes-ProSul, 2003-2004.
  11. Paisagens sexuais: imagens do Brasil no contexto do turismo sexual internacional. Unicamp, 2003-2005.
  12. Intolerância e distribuição da justiça. Unicamp/Fundação Ford, 2001-2002.
  13. Entre a prostituição e os namoros de verão: gênero e sexualidade no contexto do turismo sexual internacional em Fortaleza. Unicamp, 2001-2003.
  14. Mulher, família e gênero: uma perspectiva comparativa Brasil-Portugal. Unicamp/Capes, 1999-2000.
  15. Histórias e memórias femininas. Unicamp, 1999-2000.
  16. Entre gringos e nativos: gênero e sexualidade no contexto do turismo sexual internacional em Fortaleza. Pesquisa individual financiada pela Fundação Carlos Chagas/Fundação MacArthur, Unicamp, 1999-2000.
  17. Jóias de família: gênero e parentesco em grupos empresariais brasileiros ligados a famílias. Unicamp, 1994-1999.
  18. A situação do menor no Estado de São Paulo: dois estudos de caso. Unicamp, 1989.
  19. Amor, paixão e casamento: escolha de cônjuge em camadas médias e altas no Sul de Minas Gerais. 1985-1989.

 

Produção de Adriana disponível no Scielo Link para o currículo Lattes Curriculo de Adriana no Sipex/Unicamp

                                                                        

AnexoTamanho
adriana.jpg515.41 KB
sipex.gif2.6 KB
scielo.gif1.5 KB
lattes.jpg7.43 KB
pagu02.09.pdf26.1 KB
pagu11.14.pdf51.21 KB
pagu11.12.pdf39.74 KB
pagu08.12.pdf51.06 KB
pagu06.02.pdf69.55 KB
pagu06.13.pdf17.29 KB
Adriana01.pdf95.56 KB
Adriana03.pdf442.41 KB
Adriana02.pdf216.19 KB
Adriana04.pdf246.63 KB
Adriana05.pdf265.57 KB